quinta-feira, 21 de junho de 2012

Bolsa Abbott de Investigação 2012



Bolsa Abbott de Investigação em Infecção por Vírus da Imunodeficiência Humana

A Associação Portuguesa para o Estudo Clínico da SIDA - (APECS), estabelece uma bolsa de investigação designada “Bolsa Abbott de Investigação”, patrocinada pelo Abbott, que se regerá pelo seguinte regulamento:

Artigo 1: A Bolsa Abbott de Investigação pretende fomentar a investigação na área da infecção por Vírus da Imunodeficiência Humana (VIH), em qualquer das suas vertentes, desde a epidemiologia, à clínica ou terapêutica.

Artigo 2: A Bolsa será atribuída ao projecto de investigação que reúna maior interesse científico nesta área, sendo, também, tomadas em consideração a originalidade, qualidade científica, e exequibilidade.

Artigo 3: O montante da Bolsa é de € 6.000 euros, com início durante o ano da sua atribuição (2012) e duração de 12 meses.

Artigo 4: Podem candidatar-se licenciados em áreas de Ciências da Saúde, havendo preferência para candidatos cuja especialidade seja dedicada à infecção por VIH.

Artigo 5: A actividade de investigação decorrerá, obrigatoriamente, em Serviço(s) Hospitalar(es), seja em Unidades de internamento ou de ambulatório dedicadas ao acompanhamento de doentes com infecção por VIH, em território nacional.

Artigo 6: A candidatura deverá incluir seis exemplares de:

    a) Curriculum vitae do candidato (duas páginas)
    que inclua identificação, situação profissional actual e
    lista de publicações nos últimos cinco anos.

    b) Identificação da instituição onde o projecto se vai
         realizar.

    c) Descrição do projecto de investigação, no máximo de
        duas páginas, com a seguinte estrutura:

                     1- Resumo;
                     2- Objectivos e fundamentação;
                     3- Material e métodos;
                     4- Resultados esperados;
                     5- Calendarização prevista.

    d) Declaração de aceitação do bolseiro e do projecto pelo
         responsável da Unidade de acolhimento.

Artigo 7: As candidaturas deverão ser enviadas à APECS (morada: Av. 5 de Outubro, 10, 6º - Sala 3, 1050-056 Lisboa) até 30 de Setembro de 2012. Deverá ser entregue, em anexo, uma declaração formal de aceitação das regras do concurso, subscrita por todos os autores e com a designação do investigador principal e respectivo endereço. A APECS remeterá ao candidato a comprovação da sua candidatura

Artigo 8: Composição do júri.
As candidaturas serão avaliadas por um júri composto por seis elementos, sendo o Presidente da APECS o Presidente do júri. Se um desses membros, por motivos de força maior, não puder intervir na votação, será substituído por um vogal suplente, a designar pelo Presidente da APECS.

a) Presidente da APECS: Prof. Doutor Rui Sarmento e Castro
b) Vogais: Dra. Teresa Branco, Prof. (a) Doutora Emília
Valadas, Dra. Carmela Piñeiro, Dr. Joaquim Oliveira,
Dr.José Vera.

Artigo 9: O projecto de investigação poderá ter outras fontes de financiamento.

Artigo 10: Os projectos necessitam de aprovação prévia pela Comissão de Ética da Instituição onde se vai desenvolver.

Artigo 11: A bolsa será entregue durante o XI Congresso Nacional de Doenças Infecciosas e Microbiologia Clínica & IX Congresso Nacional sobre SIDA, a realizar no Porto, nos dias 12 a 15 de Dezembro de 2012.

Artigo 12: Caso as candidaturas sejam consideradas de qualidade insuficiente, a Bolsa poderá não ser atribuída, não sendo o seu valor acumulável. A Bolsa não poderá ser atribuída ex-aequo.

Artigo 13: No prazo de 60 dias após o término da Bolsa, será enviado, à APECS, um relatório sobre o trabalho realizado.





Sem comentários: